twitter

Braga Parque cancela exposição com plantas pintadas após polémicas em redes sociais

Braga Parque cancela exposição com plantas pintadas após polémicas em redes sociais
Fotografia Braga Parque

Redação

Publicado em 15 de maio de 2024, às 19:44

Exibição não chegou a completar 48 horas no local

Uma exposição inaugurada na última segunda-feira, e que tinha previsão para ficar por um mês no Braga Parque, foi cancelada já no dia seguinte, depois de causar polémica nas redes sociais.

A exposição ContraNatura continha 230 plantas verdadeiras pintadas e foi criada pelo artista italiano Giacomo Cossio. No entanto, recebeu críticas, que começaram com a influencer Sofia Manuel, conhecida como Tripeirinha e famosa por ser amante da jardinagem e que conta com quase 200 mil seguidores no Instagram, além de alguns professores de artes visuais, que garantiram que iriam utilizar este exemplo como uma forma de não fazer arte.

A Tripeirinha fez um vídeo em que lamentou a exposição e disse estar “farta de desrespeito gratuito e contínuo à nossa casa. Farta da bandeira 'sustentabilidade' hasteada quando não lhes pertence”.

Ontem, o Braga Parque publicou uma nota no Facebook a informar que, após reflexão e considerando os apelos da comunidade, tomou a decisão de cancelar a exposição.

"O Braga Parque tem o maior respeito pela Natureza e pelas preocupações expressas pela comunidade. Neste sentido, o cancelamento desta exposição, com efeitos imediatos, reflete o seu compromisso em ouvir e agir em conformidade e, por isso, o shopping informa que dará início a uma ação de preservação das plantas, com o apoio da Sofia Manuel e da empresa Arvorena, especializada na manutenção de jardins e espaços verdes",, publicou.

O shopping avançou ainda que as plantas vão ser doadas a várias instituições de Braga.