Fotografia: Avelino Lima

Projeto eleva a um «novo patamar» a cooperação entre universidades do Norte de Portugal e Galiza

Os responsáveis envolvidos no projeto fizeram ontem um balanço positivo do mesmo.

Rita Cunha
23 Nov 2022

O UNISF – Universidade sem Fronteiras, projeto que envolve seis universidades do Norte de Portugal e da Galiza (Universidade do Minho, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro, Universidade do Porto, Corunha, Santiago de Compostela e Vigo), elevou para um «novo patamar» a comunicação e cooperação entre estas instituições, considerou o reitor da academia minhota, ontem, no 2.º Seminário para Altos Cargos Universitários.

Fazendo um balanço deste projeto que termina agora em dezembro depois de ter permitido às seis universidades lançar este ano quatro pós-graduações pioneiras a nível competitivo, transfronteiriço e multidisciplinar, Rui Vieira de Castro começou por recordar que esta colaboração entre no Norte de Portugal e a vizinha Galiza «é uma realidade estabelecida há vários anos e que se foi traduzindo em relações que deram corpo a projetos de investigação e de intervenção de natureza cultural e desportiva, com foco acentuado em projetos de natureza académica».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up