Fotografia: Avelino Lima

Prémio “Vida Literária Vítor Aguiar e Silva” distingue os maiores nomes da literatura portuguesa

A distinção será atribuída de dois em dois anos aos mais proeminentes poetas, ficcionistas e ensaístas portugueses.

Rita Cunha
2 Jul 2021

A Associação Portuguesa de Escritores (APE) e a Câmara Municipal de Braga lançaram hoje a primeira edição do Prémio Vida Literária Vítor Aguiar e Silva APE/CMB, que terá o valor de 25 mil euros e será atribuído de dois em dois anos, distinguindo os nomes maiores poetas, ficcionistas e ensaístas portugueses.

Na cerimónia de apresentação e de assinatura do protocolo, o presidente da APE adiantou que o objetivo passa por «recolocar» o Prémio Vida Literária «num lugar mais forte e marcante», atribuindo-lhe o nome de Vítor Aguiar e Silva, vencedor da edição 2020 do Prémio Camões. José Manuel Mendes acrescentou ainda que o prémio vai distinguir «poetas, ficcionistas e ensaístas de topo, de consagração plena, no quadro da cultura portuguesa».

De acordo com o responsável, não há candidaturas ao prémio, sendo o vencedor eleito por um júri por entre «um conjunto sedimentado de nomes» que estão a ser analisados.

Quanto ao vencedor desta edição, não adiantou qualquer data para a sua divulgação, mas referiu que «será conhecido dentro de pouco tempo».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up