Fotografia:

Museu Virtual da Lusofonia apresentado sexta-feira na plataforma Google, Arts & Culture

Cerimónia transmitida a partir do Museu Nogueira da Silva, em Braga.

1 Set 2020

O Museu Virtual da Lusofonia, uma plataforma de cooperação académica em ciência, ensino e artes no espaço dos países de língua portuguesa e diásporas, vai ser sexta-feira apresentado na plataforma Google, Arts & Culture durante uma cerimónia transmitida ‘online’.

O evento vai decorrer no Museu Nogueira da Silva, em Braga, e contará com a presença do ministro dos Negócios Estrangeiros, Augusto Santos Silva, do reitor da Universidade do Minho, Rui Vieira de Castro, da representante da Google Arts & Culture, Helena Martins, e do diretor do Museu Virtual da Lusofonia, Moisés de Lemos Martins, que é também diretor do Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade (CECS) da Universidade do Minho.

Museu Virtual da Lusofonia é uma das plataformas culturais do CECS e procura promover a cooperação académica, em ciência, ensino e artes, no espaço dos países de língua portuguesa e das suas diásporas.

“Sendo uma plataforma virtual, este projeto tem também a pretensão de ser um mecanismo que convide à participação ativa dos cidadãos, na disponibilização de registos, no comentário às ‘obras’ preservadas no museu, na (re)construção de uma memória coletiva”, lê-se na apresentação do projeto.

Por seu lado, a Google Arts & Culture é uma iniciativa sem fins lucrativos que trabalha com instituições culturais e artistas por todo o mundo. e que tem como missão preservar e colocar ‘online’ a arte e a cultura do mundo, para que esta seja acessível a qualquer pessoa, em qualquer lugar.

A cerimónia de apresentação do Museu Virtual da Lusofonia na plataforma Google, Arts & Culture será transmitida em direto no canal do YouTube do Museu Virtual da Lusofonia, assim como na rede social Facebook deste museu e do CECS.





Notícias relacionadas


Scroll Up