Fotografia: Nuno Cerqueira: Tribunal de Braga.

Sindicato denuncia rutura de consumíveis nos tribunais da comarca de Braga

Ministério da Justiça nega qualquer tipo de «suborçamentação».

Nuno Cerqueira
19 Jul 2018

Os tribunais da comarca de Braga estão à beira da rutura de papel, tinteiros e outro tipo de consumíveis. Quem o diz é o dirigente de Braga do Sindicato dos Funcionários Judiciais (SFJ), José Torres.

Segundo este dirigente há instruções para «racionar o material», tudo isto porque a Central de Compras do Ministério da Justiça não «despacha» autorização para a compra do que é preciso para o normal funcionamento dos tribunais.

«Se isto continuar assim, vamos, de certeza, deixar de ter papel», diz

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up