twitter

Creches de Guimarães disponibilizam cerca de 750 novas vagas para este ano letivo

Creches de Guimarães disponibilizam cerca de 750 novas vagas para este ano letivo
Fotografia DR

Redação

Publicado em 12 de setembro de 2023, às 10:24

Até ao momento, a medida já permitiu a criação de 338 lugares.

As IPSS do concelho de Guimarães, em colaboração estreita com o município, têm vindo a envidar esforços no sentido de continuar a aumentar o número de lugares disponíveis nas creches, estando previstas para o presente ano letivo cerca de 750 novas vagas, o que vem dar resposta, de forma significativa, à crescente procura e às necessidades de muitas famílias.

Recorde-se que o Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social publicou, em 5 de julho, a Portaria 190- A/2023, que estabelece as normas reguladoras das condições de instalação e funcionamento das creches, permitindo que as instituições, com resposta social nesse âmbito, possam solicitar ao Instituto de Segurança Social o aumento da capacidade de resposta, através do alargamento, em cada sala, do número de vagas, nas salas de aquisição de marcha e salas dos 24 aos 36 meses.

No município de Guimarães, e até à presente data, esta medida permitiu a criação, na resposta social de creche, de 338 lugares, com início no presente ano letivo. Todos os pedidos de alargamento apresentados pelas instituições obtiveram o parecer favorável do Centro Distrital da Segurança Social de Braga e tiveram como princípio subjacente, a salvaguarda da qualidade, da segurança e do conforto das crianças.

Para além do universo de lugares de creche acima referenciados, estão em fase de criação mais 126 lugares, respetivamente, 84 no Centro Social de Brito e 42 na Associação Social Pevidém Vida a Cores.

As IPSS do concelho de Guimarães, em colaboração estreita com o município, têm vindo a envidar esforços no sentido de continuar a aumentar o número de lugares disponíveis, estando já em processo de licenciamento, a criação de 54 lugares no Lar de Santa Estefânia e 84 lugares na Cooperativa Mais Polvoreira – Solidariedade, Educação e Empreendedorismo Social. CRL, estas últimas ao abrigo do PRR.

Em processo de elaboração de projeto, encontram-se várias outras instituições, prevendo-se a criação de mais lugares na Associação Amigos de Urgezes (32), Centro Social de Souto (40), no Centro Social Bento Martins Júnior (42), na Associação de Desenvolvimento das Comunidades Locais (42) e na Irmandade de Nossa Senhora da Consolação e Santos Passos (84).