twitter

Bombeiros das Taipas lançam campanha para aquisição de ambulância

Bombeiros das Taipas lançam campanha para aquisição de ambulância
Fotografia DR

Redação

Publicado em 23 de agosto de 2023, às 11:00

Viatura de cuidados intensivos custa 80 mil euros.

A Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários das Caldas das Taipas lançou uma campanha de angariação de fundos destinada à compra de uma nova ambulância de cuidados intensivos, no valor de 80 mil euros.

Intitulada “Escreva o seu nome na ambulância”, a campanha foi lançada segunda-feira, no quartel dos Bombeiros Voluntários das Taipas, com a presença do presidente da Câmara Municipal de Guimarães, do presidente da direção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários das Caldas das Taipas e comandante do corpo de Bombeiros.

Na ocasião, Domingos Bragança apontou a iniciativa como uma oportunidade para a comunidade vimaranense demonstrar a sua força e compromisso com a segurança e bem-estar de todos. O edil ressaltou a necessidade de esforços conjuntos para salvar vidas e oferecer cuidados intensivos pré-hospitalares, uma vez que, disse, «os cuidados intensivos pré-hospitalares são a primeira intervenção», nomeadamente nesta altura de calor, propícia ao aumento de morbilidades.

«Com esta ambulância, os Bombeiros Voluntários das Taipas estarão mais bem equipados para enfrentar situações adversas e oferecer assistência vital de emergência pré-hospitalar», assinalou. Domingos Bragança enfatizou também o papel abrangente da Proteção Civil, reconheceu o impacto que os Bombeiros Voluntários das Taipas têm na região norte do concelho e agradeceu a «dedicação incansável» de todos quantos estão envolvidos nas operações de salvamento de vidas.

Na abertura da sessão, Luís Soares, presidente da direção dos Bombeiros Voluntários das Taipas e também presidente da Junta de Freguesia, expressou a sua gratidão pelo apoio demonstrado, enfatizando que a aquisição da nova ambulância é um «objetivo crucial para a nova direção, convocando a união de esforços para alcançar a meta financeira».

Na sua intervenção, o comandante Hermenegildo Abreu destacou que esta ambulância de cuidados intensivos «será fundamental para fornecer suporte avançado de vida a pacientes cuja sobrevivência depende de monitorização e terapêutica avançadas, em casos de disfunção ou falência profunda de órgãos ou sistemas».