twitter

Paredes de Coura volta a receber a festa do BTT

Paredes de Coura volta a receber a festa do BTT
Fotografia ACM

Redação

Publicado em 15 de junho de 2023, às 11:44

A festa do BTT está de regresso a Paredes de Coura, no domingo.

A festa do BTT está de regresso a Paredes de Coura, com o 10º BTT XCO Paredes de Coura, prova pontuável para o Campeonato do Minho de BTT XCO - POPP Agency, bem como a realização do Campeonato Nacional Universitário. A prova realiza-se no próximo domingo, dia 18 de junho, na Pista de XCO do Centro Cyclin’ Paredes de Coura, localizada na freguesia de Vascões.

“Temos a expetativa de testar algumas melhorias que fizemos, tendo em vista o Campeonato Nacional, que acontecerá cá em julho”, reconheceu Tiago Cunha, vice-presidente da Câmara de Paredes de Coura. Para o responsável, “a envolvente à pista, em plena área da Paisagem Protegida do Corno de Bico, é um bom cartão-de-visita para que os amantes de BTT possam querer visitar-nos e testar os trilhos do centro de Cyclin´ Portugal de Paredes de Coura”.

Organizado pela Associação de Ciclismo do Minho e pelo município de Paredes de Coura, com o apoio da Federação Portuguesa de Ciclismo, o 10º BTT XCO Paredes de Coura vai integrar corridas para os escalões de escolas (da parte da manhã) e competição (a partir das 13h00).

O secretariado e a pista para treinos abrem às 9h00. Segue-se a reunião com os diretores desportivos de escolas (9h45) e as provas arrancam às 10h00. A cerimónia protocolar de escolas está agendada para as 12h00 e às 13h00 arrancam as provas dos escalões de cadetes, femininas e paraciclismo, seguindo-se as provas de elites, juniores e masters (14h45). A cerimónia protocolar da competição está marcada para as 16h30.

Paralelamente ao 10º BTT XCO Paredes de Coura, ocorre também o Campeonato Nacional Universitário da vertente. Em comunicado, o autarca sublinha “a honra que é para Paredes de Coura” receber a iniciativa, não só por se tratar de “um elemento adicional de interesse para os amantes da modalidade, como também é particularmente importante apoiar os mais jovens para garantir o futuro da modalidade”, concluiu.