twitter

Associação portuguesa no Canadá junta folclore e zumba para atrair jovens

Associação portuguesa no Canadá junta folclore e zumba para atrair jovens
Fotografia Facebook Portuguese Association of Manitoba

Agência Lusa

Agência noticiosa

Publicado em 29 de outubro de 2023, às 10:05

A Associação Portuguesa de Manitoba, no Canadá, é gerida maioritariamente por jovens que tentam atrair novos sócios com atividades que vão desde o folclore a aulas de zumba para fortalecer os laços entre a comunidade.

 

“Nós tivemos este ano quase 50 novos sócios que trouxeram os filhos para dançar no grupo folclórico para jovens porque há muito entusiasmo presentemente na associação porque a direção é muito jovem e trazem os amigos”, afirmou à agência Lusa a diretora executiva da associação, Zita Lopes.

A responsável da coletividade chegou ao centro do Canadá em 1961, proveniente de Ribeira Grande (S. Miguel, Açores).

Atualmente com 500 sócios ativos, a APM, fundada em 1966, é a mais antiga e ‘casa mãe’ das associações portuguesas naquela província canadiana.

“Muitos jovens lusodescendentes que nasceram aqui estão a voltar para integrarem os grupos. Também estamos a criar um grupo de zumba”, exemplificou. 

A Associação Portuguesa de Manitoba tem seis grupos folclóricos, infantis, juvenis e para adultos, contando com 200 elementos no total.

A APM tem uma direção “muito jovem” e esse tem sido o fator de aproximação dos jovens lusodescendentes à comunidade.

Os dirigentes mais experientes estão também a dar-lhes todo o apoio necessário “para que tenham sucesso”.

“Temos que respeitar o passado, trabalhar no presente, porque sem o passado, não tínhamos este presente. Também sem o presente, não vamos ter o futuro. É o legado que temos de deixar nesta cidade. Como ‘casa mãe’ é a nossa obrigação”, disse. 

Os lusodescendentes são ainda incentivados com uma remuneração quando “servem à mesa” nos eventos que decorrem nas instalações da associação para os “recompensar pelo trabalho”.

Em janeiro de 2024, a organização planeia reabrir a Escola de Português, “com preços acessíveis e num modelo online e presencial”.

A coletividade explora ainda um parque, com uma área de campismo equipada com 240 bungalows, a cerca de 80 quilómetros de Winnipeg.

A Associação Portuguesa de Manitoba movimenta mais de um milhão de dólares anuais (686 mil euros), receita proveniente de um bingo, que decorre duas vezes por semana na associação, e do aluguer no parque.

De acordo com o recenseamento de 2021, a comunidade portuguesa no Canadá é constituída por 448.305 pessoas, que declararam ser de origem étnica portuguesa, sendo que 240.680 disseram que tinham como língua materna, a portuguesa. 

Existiam 166.651 portugueses inscritos na rede consular no Canadá em 2022.

Em Winnipeg, capital da província de Manitoba, residem cerca de 20 mil portugueses e lusodescendentes.