twitter

Euro2024: Portugal recebe Bósnia no primeiro teste a 'doer' de Martínez

Euro2024: Portugal recebe Bósnia no primeiro teste a 'doer' de Martínez
Fotografia Seleção/Twitter

Agência Lusa

Agência noticiosa

Publicado em 15 de junho de 2023, às 09:56

Portugal tem no sábado o primeiro teste a ‘doer’ para Roberto Martínez.

Portugal tem no sábado o primeiro teste a ‘doer’ para Roberto Martínez, com a receção à Bósnia-Herzegovina, no apuramento para o Euro2024 de futebol, embora a seleção nacional tenha o estatuto de ‘super-favorita’ no duelo do Grupo J.

No Estádio da Luz, em Lisboa, após os esperados triunfos expressivos sobre Liechtenstein (4-0), em Alvalade, e no Luxemburgo (6-0), o novo selecionador nacional tem o seu primeiro jogo ‘a sério’ desde que assumiu a equipa das ‘quinas’ em janeiro, mas mantém a obrigação de sair vitorioso.

A Bósnia é claramente de outra divisão do que Liechtenstein e Luxemburgo, tendo mesmo disputado a fase final do Mundial2014, no Brasil, e conquistado o acesso à Liga A da Liga das Nações, mas continua longe do poderio da seleção nacional, clara favorita a conquistar o Grupo J e a reservar o mais depressa possível um lugar no próximo Europeu, que vai decorrer na Alemanha.

Historicamente, em quatro encontros, Portugal venceu três e empatou apenas um, impendido tanto em 2009 (play-off Mundial) como em 2011 (play-off Europeu) que a Bósnia vivesse na altura o seu primeiro apuramento para uma grande competição internacional. Em solo nacional, a seleção nacional venceu sempre, em 2009 apenas por 1-0, mas, em 2011, com uma goleada por 6-2, ambos na Luz, palco do jogo de sábado.

Após as duas primeiras jornadas, as duas equipas encontram-se numa altura em que Portugal lidera isolado o agrupamento com seis pontos, enquanto a Bósnia é terceira, com três, e já com uma derrota, na Eslováquia (2-0), segunda com quatro e candidata a intrometer-se nas contas da qualificação. Apenas os dois primeiros colocados do agrupamento se qualificam para a fase final do Euro2024.

A nível de escolhas, Martínez terá logo na baliza uma dúvida, já que Rui Patrício, o guarda-redes mais internacional português de sempre (107) foi titular (e ficou a zero) nos dois primeiros jogos, numa altura em que Diogo Costa teve de abandonar o estágio devido a problemas físicos. Na defesa, o regresso de Pepe, que também ficou de fora do arranque da qualificação por causa de lesão, abre a porta à saída de Danilo ou António Silva, ou até de ambos caso o selecionador nacional opte por uma defesa com apenas dois centrais.

Figuras como Bernardo Silva, Bruno Fernandes e o capitão Cristiano Ronaldo (fez quatro golos nos primeiros dois jogos e pode ficar a um jogo das 200 internacionalizações) têm lugar garantido no ‘onze’ do técnico espanhol, que na frente poderá dar a titularidade merecida a Rafael Leão, ‘estrela’ do AC Milan, em detrimento de João Félix, que teve uma época para esquecer primeiro no Atlético Madrid e depois no Chelsea.

O encontro está agendado para as 19h45 e terá arbitragem do italiano Davide Massa.