twitter

Centro Paroquial do Mar dispõe de ótimas condições para atividades da comunidade

Centro Paroquial do Mar dispõe de ótimas condições para atividades da comunidade galeria icon Ver Galeria
Fotografia DM

Jorge Oliveira

Jornalista

Publicado em 07 de julho de 2024, às 16:09

Obras de requalificação do edifício inauguradas hoje pelo pároco e pelo presidente da Câmara de Esposende

A comunidade de S. Bartolomeu do Mar, em Esposende, regozijou-se hoje com a inauguração das obras de requalificação do Centro Paroquial, que dispõe agora de condições «excelentes» para as atividades dos movimentos e associações da paróquia e também da freguesia.

«O Salão está pronto a ser usado. Que traga muitas alegrias e felicidades a todos os que o usarem e às pessoas que vierem assistir e participar nos atos culturais e recreativos», desejou o pároco de S. Bartolomeu do Mar, o padre Domingos Sampaio Viana, na sessão de inauguração das obras que decorreu após o descerramento da placa e bênção das instalações com a presença de vários convidados, entre os quais o presidente da Câmara Municipal de Esposende.  

Construído em 1974, o Salão Paroquial do Mar, agora designado Centro Paroquial, foi objeto, 50 anos depois, de uma intervenção de fundo, desde a remodelação do telhado até aos pavimentos, passando pela recuperação das fachadas, substituição de portas, janelas, estores, pinturas novas, etc.

O edifício, que beneficiou ainda de uma ampliação de 214 m2, dispõe de um auditório polivalente com palco, seis salas para atividades e quatro casas de banho.

«No primeiro piso, as salas foram equipadas com material básico para reuniões e sessões de catequese. No rés do chão a intervenção teve como objetivo conseguir um auditório devidamente equipado, de forma a que a comunidade possa usufruir de um espaço para atividades lúdicas e recreativas como convívios, palestras, festas e espetáculos, evitado a deslocação para outros pontos», explicou Carlos Lima, do Conselho Económico.

A reabilitação do edifício representou um investimento de cerca de 234 mil euros (sem IVA). O valor inclui o arranjo exterior, mobiliário e equipamentos.  

O Município de Esposende atribuiu um apoio no valor de 100 mil euros.

O pároco agradeceu ao presidente da Câmara Municipal o subsídio, aprovado em reunião do executivo por unanimidade, frisando que «deu tranquilidade à comissão de obras».

Agradeceu também à Junta de Freguesia as diligências feitas em favor das obras do salão paroquial, assim como aos membros do Conselho Económico Paroquial atual e anterior, nomeadamente a Carlos Lima pela sua dedicação e entrega a este obra, a qual foi  projetada pelo Conselho Económico anterior (cessou funções em dezembro de 2022).

A comissão de obras arrecadou 41.721 euros nas várias atividades que organizou (peditórios, passeio a Fátima, Dia da Paróquia, Festa de S. Bartolomeu, feirinhas e cortejos). O Banco BPI/Fundação La Caixa atribuiu 5 mil euros.   

Parque de estacionamento é para avançar

Carlos Lima aproveitou a presença do edil de Esposende para, publicamente, solicitar a concretização do projeto do parque de estacionamento, entre o Centro e o adro da Igreja Paroquial. «É uma obra de extrema necessidade, pela fala de estacionamento de apoio à Igreja Paroquial sentida todos os fins de semana, e imprescindível para resolver uma dos problemas graves que sentido nos dias da romaria de S. Bartolomeu do Mar», disse. 

Benjamim Pereira reconheceu que o parque de estacionamento faz falta e garantiu que Câmara irá adquirir todos os terrenos daquela zona cujos proprietários os queiram vender para se poder avançar com a obra. O autarca adiantou ainda que a Câmara vai proceder  ao alargamento do cemitério («a obra está para avançar») e vai apoiar as obras da sede dos Escuteiros de Mar.

A sessão contou ainda com a intervenção do Presidente da Junta da União de Freguesia de Belinho e Mar que felicitou a paróquia por ter concretizado esta obra tão necessária para as atividades da comunidade.