twitter

Arraial solidário de Unidade Pastoral de Amares ajuda crianças de Moçambique

Arraial solidário de Unidade Pastoral de Amares ajuda crianças de Moçambique galeria icon Ver Galeria
Fotografia

Jorge Oliveira

Jornalista

Publicado em 01 de julho de 2024, às 19:04

Projeto da Missão Amar(es)

Cerca de uma centena de pessoas participou num arraial solidário em favor da Missão Ama(es) e do seu projeto alimentar no Chibuto, Moçambique.

Organizado pela Unidade  Pastoral de Besteiros, Caires, Fiscal, Portela e Torre, conjuntamente com a Comissão de Festas de São Bento de Caires 2024, a iniciativa decorreu no dia 26 de julho, em ambiente de convívio, nas instalações da Associação Recreativa e Cultural Cairenses, em Amares.

Segundo a organização, graças à generosidade dos participantes foi possível angariar uma «quantia significativa» que se destina «às necessidades básicas das crianças órfãs do Chibuto».

«É inspirador ver tanta gente disposta a ajudar e compartilhar um pouco do que têm para proporcionar um futuro melhor para estas crianças», disse Marco Alves, um dos participantes.

Com este “arraial solidário”, além da angariação de fundos, os promotores procuraram consciencializar a população sobre a importância da solidariedade e do apoio comunitário.

«O que estamos a fazer aqui é plantar sementes de esperança. Cada contribuição, cada gesto de carinho, faz uma diferença enorme na vida destas crianças», ressaltou o padre Tiago Barbosa, o impulsionador desta iniciativa.

Para o professor Dino Silva, o mentor deste projeto  da Missão Amar(es), «o evento foi um sucesso não só em termos de arrecadação, mas também na promoção de um espírito comunitário e solidário». 

«A generosidade dos participantes e a dedicação dos voluntários são provas de que, juntos, podemos fazer a diferença e transformar a vida de muitas crianças em Chibuto», acrescentou.

Entretanto, no sábado, dia 29 de junho, na “Eucaristia do Envio”, a comunidade recebeu os jovens que este ano farão parte deste projeto, na evangelização para além das paredes da igreja e da escola, abdicando de umas merecidas férias, para ajudar aqueles que necessitam, por vezes, apenas de algo para comer. 

A comunidade agradeceu a entrega de todos os envolvidos na “Missão Amar(es)” e reafirmou seu compromisso de «continuar a trabalhar para proporcionar um futuro mais promissor e cheio de amor para aqueles que mais precisam».

«O “Arraial Solidário” e a “Eucaristia do Envio” consolidam-se como um exemplo de como a união e o afeto podem superar desafios e construir um mundo melhor para todos», disse a organização.

Este projeto da Missão Amar(es), além de prover auxílio material, como alimentos, roupas e apoio emocional e espiritual, promove aconselhamento, orações, momentos de reflexão e acolhimento daqueles que estão a passar por momentos difíceis.

O projeto tem também contribuído para o desenvolvimento agrícola na região de Chibuto de forma a proporcionar alimentos e tornar a população mais capacitada para uma agricultura sustentável.