twitter

Confraria do Sameiro celebrou Dia do Irmão com convívio e oração pelos seminários

Confraria do Sameiro celebrou Dia do Irmão com convívio e oração pelos seminários
Fotografia Francisco de Assis

Francisco de Assis

Jornalista

Publicado em 06 de novembro de 2023, às 09:22

Na eucaristia, celebrada pelo cónego José Paulo Abreu, rezou-se também pelos irmãos vivos e falecidos.

A Confraria de Nossa Senhora do Sameiro, em Braga, celebrou ontem o “Dia do Irmão”, uma iniciativa que visa reforçar os laços de fraternidade entre os irmãos, rezar pelos irmãos vivos e falecidos, num evento que é também de gratidão para com todos quantos, generosamente, contribuem para a manutenção da beleza daquele santuário mariano. Na missa, entre as intenções estiveram os seminários e seminaristas, para que haja mais padres comprometidos com a Igreja, com Deus e com os irmãos.

Apesar da chuva, por vezes forte, que se fez sentir ontem em Braga, foram muitos os que se juntaram na Cripta do Sameiro para as atividades do Dia do Irmão. Depois da oração de Vésperas, seguiu-se a eucaristia, celebrada pelo cónego José Paulo Abreu, presidente da Confraria do Sameiro; concelebrada pelo padre Delfim Pinto Coelho, reitor do Santuário; e solenizada pelo Coro do Sameiro.

Na sua homilia, como sempre, o celebrante fez três reflexões: o novo «formato de igreja» trazido por Jesus Cristo, de simplicidade, de humildade e fraternidade; ao contrário do formato dos fariseus, de fanfarronice, de exibição de tudo o que se faz, para dar nas vistas; uma reflexão sobre a importância de sermos apóstolos uns dos outros, lembrando o exemplo de generosidade de Maria; e, finalmente, a celebração do Dia do Irmão, em que se rezou pelos irmãos vivos, mas também pelos falecidos, para que Nossa Senhora os acolha nos seus braços.

Sobre o novo formato de Igreja, o celebrante pediu atitudes concretas a favor dos irmãos, com simplicidade, com ações que agradam a Deus, daqueles que mais precisam e em benefício da humanidade. 

Rezar pelos seminários

Uma das intenções do Dia do Irmão da Confraria do Sameiro deste ano foi a oração pelos seminários.

Uma intenção oportuna, tendo em conta que a Igreja portuguesa está a celebrar a Semana dos Seminários, que decorre até ao próximo sábado.

Os presentes rezaram para que haja mais e bons sacerdotes, que saibam ajudar a construir uma «Igreja bonita, verdadeira», para que os futuros padres sejam sinais de paz e de justiça no mundo. Que tragam energia nova e sangue novo à Igreja.

Recorde-se, que, a propósito da Semana dos Seminários, na Arquidiocese de Braga, hoje, em Celorico de Basto, há uma Vigília de oração; na sexta-feira, dia 10, realiza-se a habitual Vigília, às 21h15, na igreja de S. Paulo; e, no dia 11, o Seminário vai estar novamente de portas abertas aos jovens. 

Ontem, depois dos momentos mais religiosos, os confrades deslocaram- -se à colunata do Sameiro para um magusto/convívio, animado pelos “Sinos da Sé”.