twitter

Presidente da Câmara de Cerveira assume direção do AECT Rio Minho

Presidente da Câmara de Cerveira assume direção do AECT Rio Minho
Fotografia

Publicado em 04 de agosto de 2020, às 16:37

O presidente da Câmara de Vila Nova de Cerveira, no distrito de Viana do Castelo, assumiu as funções de diretor do Agrupamento Europeu de Cooperação Territorial (AECT) Rio Minho, informou hoje aquela autarquia. O cargo era até agora desempenhado por Uxío Benítez, deputado da Cooperação Transfronteiriça da Província de Pontevedra, que passou a desempenhar as funções de vice-diretor que pertenciam ao autarca de Vila Nova de Cerveira (Movimento independente PenCe - Pensar Cerveira), Fernando Nogueira. Constituído em fevereiro de 2018 e com sede em Valença, no distrito de Viana do Castelo, o AECT Rio Minho abrange um total de 26 concelhos: os 10 municípios do distrito de Viana do Castelo que compõe a Comunidade Intermunicipal (CIM) do Alto Minho e 16 concelhos galegos da província de Pontevedra. De acordo com os estatutos do AECT Rio Minho, as funções de diretor e o vice-diretor alternam de dois em dois anos "O presidente da Câmara de Vila Nova de Cerveira, até aqui vice-diretor deste organismo transfronteiro, passou a assumir, com efeitos imediatos, a função de diretor e Uxío Benítez de vice-diretor", refere a nota da autarquia portuguesa hoje enviada às redações. A mudança, explica o documento, ocorreu durante uma reunião do AECT Rio Minho, na sexta-feira, na sede da estrutura, em Valença. "Ambos os responsáveis manifestaram a satisfação pelo bom relacionamento conseguido nestes dois anos e pelo desenvolvimento da ação executiva do AECT Rio Minho, assinalando que o trabalho colegial e a procura de consenso foi conseguido através de uma relação próxima e constante. Tendo sido esta metodologia colaborativa a mais adequada para o bom funcionamento desta entidade de cooperação territorial, Fernando Nogueira e Uxío Benítez acordaram manter esta relação permanente na tomada de decisões executivas que são atribuídas ao diretor", sustenta a nota. A direção que agora assumiu funções manifestou "a expetativa de uma rápida superação anímica e económica do território do Rio Minho transfronteiriço, face aos momentos difíceis vividos com a pandemia de covid-19 e o encerramento de fronteiras". A direção liderada por Fernando Nogueira comprometeu-se "a continuar a trabalhar em conjunto e com os respetivos municípios associados que compõem o território de intervenção do AECT, para permitir a implementação de projetos e iniciativas de cooperação que promovam a melhoria da situação socioeconómica deste território comum".
Autor: Redação