twitter

Gil Eannes assinala 21 anos com documentário e livro

Gil Eannes assinala 21 anos com documentário e livro
Fotografia

Publicado em 31 de janeiro de 2019, às 16:18

Entre 2013 e 2018 o navio recebeu 342 944 visitantes.

Assinalam-se, esta quinta-feira, os 21 anos da chegada do navio Gil Eannes a Viana do Castelo, depois de ter sido resgatado e atracado na antiga doca comercial da cidade. Para assinalar a efeméride, a programação inclui a exibição inédita de um documentário, a apresentação de um livro e a inauguração de uma exposição. Hoje, a sessão comemorativa do 21.º aniversário do Regresso do navio Gil Eannes a Viana do Castelo acontece, pelas 18h00, no Teatro Municipal Sá de Miranda, com a apresentação do documentário inédito do vianense Capitão João Araújo, “Campanha do São Ruy de 1952“.
Depois, a 3 de fevereiro, o navio museu acolhe, pelas 16h00, a Sessão Solene Comemorativa e apresentação do livro “A Pesca do Bacalhau – História, Gentes e Navios: OsNavios – motor da Pesca à Linha, Tomo III”, de João David Batel Marques.
De seguida, na Sala José Hermano Saraiva, será inaugurada a exposição “Campanha São Ruy 1952”. Por altura das comemorações, o navio-museu está prestes a atingir um milhão de visitantes, desde que foi recuperado para assumir funções museológicas. Entre 2013 e 2018, o navio recebeu 342.944 visitantes. Recorde-se que,em 2013, o navio esteve encerrado entre fevereiro e março por motivo de docagem e em 2014 esteve encerrado a visitas por causa de obras inerentes à instalação do Centro de Mar. Ao longo dos últimos cinco anos, o número de visitantes ao navio hospital mais do que duplicou, já que em 2013 foram registados 41.398 visitantes e, em 2018, foram assinalados 90.835 visitantes do museu flutuante.
Autor: Redação