twitter

Celorico de Basto levou vida do escritor Teixeira de Pascoaes ao palco

Celorico de Basto levou vida do escritor Teixeira de Pascoaes ao palco
Fotografia

Publicado em 28 de setembro de 2022, às 09:13

Escrita em cena.

O Centro Cultural Marcelo Rebelo de Sousa, em Celorico de Basto foi o palco escolhido, no dia 23 de setembro, pelo Festival Inventa para, integrado na ação Escrita em Cena, apresentar a vida do poeta e escritor Teixeira de Pascoaes. Tratou-se de uma dramatização da vida e obra apresentada pela Filandorra – Teatro do Nordeste.
«Um exercício singularpara apresentar um dos maiores da língua portuguesa, Teixeira de Pascoaes, pseudónimo literário de Joaquim Pereira Teixeira de Vasconcelos», refere a autarquia, em comunicado. A história da peça exibida passa-se entre Amarante e Coimbra, onde nasceu e onde estudou. Versou singularmente no livro “Marânus” com referência à sua amada Eleonor, «sua própria alma próxima e inacessível». [Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]

Autor: