twitter

Centro das Artes José de Guimarães mostra espaços em visitas noturnas

Centro das Artes José de Guimarães mostra espaços em visitas noturnas
Fotografia DR

Rui de Lemos

Jornalista

Publicado em 10 de julho de 2024, às 18:00

Iniciativa revela ao público algumas áreas interditas

Esta sexta-feira, dia 12 de julho, a partir das 22h00, o Centro Internacional das Artes José de Guimarães (CIAJG), em Guimarães, promove  o "Turno da Noite", uma visita/performance noturna a espaços do museu normalmente interditos ao público.
Quantos de nós já visitaram um museu à noite? E já visitaram os seus lugares interditos ao público? A cooperativa Oficina e a sua equipa de mediação cultural convidam todos os interessados «para nos juntarmos na noite desta sexta-feira para uma visita-performance noturna a espaços e peças normalmente apartadas do público», formulam os promotores. 
Naquela iniciativa, máscaras, telas, esculturas, amuletos, tecidos «ganham vida na penumbra de um museu fechado», ilustra a cooperativa municipal gestora do equipamento cultural. Das reservas aos elevadores ou aos corredores de acesso entre pisos, os visitantes vão, em conjunto, explorar o CIAJG na noite de sexta-feira, 12 de julho, às 22h00 ou 22h30 ou 23h00 ou 23h30. Nas quatro ocasiões, «vamos assim fazer e vivenciar este "Turno da Noite" no CIAJG, porque o escuro nem sempre é a ausência de luz», propõe a organização.
 Na tarde do dia seguinte (sábado, 13 julho), entre as 15h00 e as 18h00, o jardim do Centro Cultural Vila Flor vai servir de cenário para a realização de diferentes oficinas criativas, em modo contínuo, destinadas aos mais pequenos e às suas famílias. Em "Histórias de Cântaros e Cantarinhas", oficina de olaria com Maria Fernanda Braga, os participantes vão colocar as mãos na água, a água no barro (vermelho, como o das Cantarinhas dos Namorados) e o barro na mão. Na roda de oleiro, vão surgir pequenas peças, que podem ser ornamentadas criativamente com mica branca. Na oficina de criação de figuras articuladas, "Meio Isto e Meio Aquilo", com Teresa Arêde, vai dar-se largas à imaginação e dar vida a criaturas estranhas, a partir da obra do artista José de Guimarães. Já em "Sombras sobre Azul", oficina de cianotipia com Helder Magalhães, vai explorar-se a magia da imagem e das suas sombras, através da revelação de plantas, flores, folhas, galhos, sobre o azul ciano. 
 A entrada e participação no "Turno da Noite" no CIAJG e nas oficinas criativas é gratuita, por ordem de chegada.