twitter

José Luís Carneiro defende regionalização em fórum realizado em Famalicão

José Luís Carneiro defende regionalização em fórum realizado em Famalicão
Fotografia

Redação

Publicado em 12 de fevereiro de 2024, às 09:22

Candidato do PS pelas regiões administrativas

O cabeça de lista da candidatura do PS pelo círculo eleitoral de Braga, José Luís Carneiro, defendeu, no fórum sobre “Território, Coesão e Desenvolvimento”, realizado na Biblioteca Municipal de Famalicão, «mais ação e um Portugal inteiro», considerando que «a regionalização é, certamente, um dos instrumentos para essa construção permitindo que cada uma se foque naquilo que melhor faz, com poder para gerir o seu próprio destino».

No que diz respeito à regionalização, José Luís Carneiro relembrou que fez campanha e que votou a favor da criação das regiões administrativas no referendo realizado em 1998. «Um poder mais próximo das populações é mais eficaz e mais célere. A candidatura do Partido Socialista refere, em comunicado, que «avançou com um amplo movimento de descentralização englobando dezenas de competências que assim passaram para as comunidades intermunicipais e câmaras municipais».

O debate, promovido pela candidatura e a Federação de Braga do PS, foi moderado pelo cabeça de lista do PS pelo círculo eleitoral de Braga, José Luís Carneiro, e foram convidados Luís Braga da Cruz, ex-presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, professor e ex-ministro da Economia, e Teresa Sá Marques, diretora do Departamento de Geografia da Faculdade de Letras da Universidade do Porto e Investigadora do CEGOT.

Segundo a mesma nota, Eduardo Oliveira, n.º 7 da lista de deputados pelo de Braga e presidente da Concelhia do PS de Vila Nova de Famalicão, abriu a sessão destacando o investimento contínuo da governação socialista no seu concelho. «Famalicão é o concelho com mais fundos de execução do PRR com mais de 180 milhões captados, num total de mais de 2600 projetos que envolvem mais de 2800 beneficiários e que representam 30% do investimento do PRR na sub-região do Ave», destacou. José Luís Carneiro reforçou que «o distrito de Braga tem mais de 430ME contratualizados no âmbito do PRR com projetos do setor público, privado, empresas, IPSS e Misericórdias».