twitter

GNR apreende armas de fogo por violência doméstica em Cabeceiras de Basto

GNR apreende armas de fogo por violência doméstica em Cabeceiras de Basto
Fotografia GNR

Diana Carvalho

Jornalista

Publicado em 16 de outubro de 2023, às 15:50

A GNR apurou que um homem exercia violência física, psicológica e ameaças, contra a ex-companheira.

O Comando Territorial de Braga da Guarda Nacional Republicana (GNR), através do Núcleo Investigação e de Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Guimarães, apreendeu no dia 13 de outubro quatro armas de fogo, por violência doméstica, no concelho de Cabeceiras de Basto. A informação foi avançada esta segunda-feira.

Em comunicado, a GNR adianta que, "no âmbito de uma investigação por violência doméstica, foi possível apurar que o agressor, um homem de 42 anos, exercia violência física, psicológica e ameaças, contra a vítima, sua ex-companheira de 40 anos". "Os militares da GNR deram cumprimento a nove mandados de busca, três domiciliárias e seis não domiciliárias, nomeadamente, cinco em veículos e uma em edifício agrícola, naquele concelho", acrescenta a nota.

Foram apreendidas três caçadeiras, uma arma de ar comprimido, uma arma branca e 548 munições. Os factos foram comunicados ao Tribunal Judicial de Guimarães.