twitter

Ucrânia: Portugal recebeu 1.670 pedidos de proteção temporária

Ucrânia: Portugal recebeu 1.670 pedidos de proteção temporária
Fotografia

Publicado em 07 de março de 2022, às 14:48

Portugal recebeu desde o início da invasão russa da Ucrânia 1.670 pedidos de proteção temporária.

A atualização é referente ao período entre 24 de fevereiro e as 13:00 desta segunda-feira, revelou hoje à Lusa o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF).

Dos 1.670 pedidos de proteção temporária, 145 foram feitos entre 24 e 28 de fevereiro por ucranianos e estão enquadrados no âmbito dos pedidos de proteção internacional efetuados antes da entrada em vigor da resolução do Conselho de Ministros que estabelece a proteção temporária.

Segundo o SEF, a maioria dos pedidos de proteção temporária são de cidadãos da Ucrânia (1514), mas existem ainda três dos Estados Unidos, outros três da Rússia, da Lituânia e Turquia, bem como uma do Afeganistão.

Segundo uma resolução do Conselho de Ministros, é atribuída aos requerentes de proteção temporária, de forma automática, autorização de residência por um ano, que pode ser prorrogada duas vezes por um período de seis meses.

Estes pedidos podem ser apresentados nos centros nacionais de Apoio à Integração de Migrantes e nas delegações regionais do SEF.

O Serviço de Estrangeiros e Fronteiras disponibiliza em todo o país 24 balcões de atendimento dedicados exclusivamente a cidadãos ucranianos.


Autor: Redação/Lusa