twitter

teste

teste
Fotografia

Publicado em 10 de maio de 2017, às 10:01

António Guterres venceu ontem a votação dos membros do Conselho de Segurança da ONU para novo Secretário-Geral da organização.

António Guterres ficou definitivamente à frente e não recolheu nenhum veto na sexta votação do Conselho de Segurança das Nações Unidas, em Nova Iorque, para eleger o próximo Secretário-Geral da organização. Guterres recebeu 13 votos de encorajamento e dois sem opinião. Entre os membros permanentes (China, Rússia, França, Reino Unido e Estados Unidos) houve quatro votos de encorajamento e um sem opinião. Após a votação formal, o Conselho de Segurança fará a recomendação à Assembleia Geral, órgão ao qual compete ratificar a escolha ou não, embora esta última hipótese nunca tenha acontecido.

Ainda não há data para essa votação, mas, por essa altura, a Assembleia Geral deverá indicar a duração do mandato.

Lorem Ipsu. Fotografia: EPA/Martial Trezinni

Habitualmente, o presidente do Conselho de Segurança informa o presidente da Assembleia Geral sobre a decisão tomada, que, por sua vez, informa os 193 Estados-Membros da organização, sendo depois votado o nome proposto à porta fechada. Nessa altura, António Guterres precisa apenas de uma maioria simples dos votos para ser eleito secretário-geral. O candidato português venceu as cinco primeiras votações para o cargo, que aconteceram a 21 de Julho, 5 de Agosto, 29 de Agosto, 9 de Setembro e 26 de Setembro.
Autor: teste123