twitter

Simon Banza já na galeria dos “notáveis” ao lado de Lima, Éder, Horta e Paulinho

Simon Banza já na galeria dos “notáveis” ao lado de Lima, Éder, Horta e Paulinho
Fotografia

Publicado em 10 de março de 2023, às 11:49

O atacante gaulês, que custou à SAD arsenalista cerca de três milhões de euros, já facturou em 11 ocasiões.

Opontapé de bicicleta que valeu o segundo golo na vitória caseira com o Rio Ave permite ao ponta-de-lança Simon Banza somar 10 golos na I Liga ao serviço do SC Braga, um registo que, nos últimos tempos, apenas foi alcançado por nove atletas, destacando-se, entre estes, Lima, Éder, Ricardo Horta e Paulinho.

O ponta-de-lança francês, de 26 anos, que na temporada passada já brilhara no FC Famalicão – 18 golos e sete assistências em 37 partidas -, foi utilizado em 35 partidas por Artur Jorge mas, registe-se, apenas foi titular em 22 delas.

Ainda assim, o atacante gaulês, que custou à SAD arsenalista cerca de três milhões de euros, já facturou em 11 ocasiões (10 no campeonato e uma na Taça da Liga), e o fantástico golo marcado aos vila-condenses reforça, ainda mais, a sua candidatura ao onze.

Titular em Vizela?

O técnico do SC Braga apostou, na última partida, com a turma de Vila do Conde, num sistema que contempla apenas uma referência na área – Abel Ruiz – mas Banza poderá saltar para a titularidade em Vizela, existindo a hipótese de fazer dupla, como sucedeu, recentemente, com Vitória SC (fora) e FC Arouca (em casa), com o internacional espanhol ou, então, simplesmente render Abel Ruiz no onze.

Marcou na estreia, Bruno “copiou-o”

Certo é que Simon Banza, que marcou no jogo de estreia dos guerreiros do Minho, tal como sucedeu, depois, com Bruma, e tinha acontecido com, entre outros, Pedro Neto, Raul Silva, Abel Ruiz, Castro, Nico Gaitán, Vitinha e Niakaté, soma já 10 golos no principal campeonato luso – fez 14 ao serviço da turma famalicense em 2021/22 -, tendo igualado o registo recente de Lima, Éder, Stojiljkovic, Hassan, Rui Fonte, Ricardo Horta, Paulinho, Dyego Sousa e Wilson Eduardo, que também atingiram a dezena de golos (e alguns superaram) na I Liga ao serviço do SC Braga.


Autor: Pedro Vieira da Silva