twitter

SC Braga cai nos penáltis e falha "quartos" da Youth League

SC Braga cai nos penáltis e falha "quartos" da Youth League
Fotografia DR

Agência Lusa

Agência noticiosa

Publicado em 28 de fevereiro de 2024, às 16:59

Depois do 2-2 aos 90', AC Milan superiorizou-se nos castigos máximos

O Sporting de Braga foi hoje afastado dos quartos de final da Youth League de futebol pelo AC Milan, nos penáltis (4-2, após 2-2 no tempo regulamentar), em Itália, fechando a época de estreia na prova sem derrotas.

A equipa portuguesa forçou o desempate por penáltis com o golo do empate a 2-2 alcançado aos 90+4 minutos, através de um desvio de cabeça de Rúben Furtado, mas nos remates da marca dos 11 metros falhou dois contra apenas um dos italianos.

O AC Milan, semifinalista da edição de 2022/23, chegou à vantagem por Diogo Sia (1-0), aos 24 minutos, após o guarda-redes português João Carvalho ter defendido um penálti aos 12 e João Vasconcelos, aos 16, ter rematado à trave.

Mais perigoso e rematador, com ocasiões protagonizadas por João Vasconcelos, Nuno Matos, Jonatás Nuno, Diego Rodrigues e Dinis Rodrigues, o Sporting de Braga chegou ao intervalo a perder por 1-0, mas mais perto do empate do que o AC Milan aumentar.

A segunda parte principiou com os ‘arsenalistas’ instalados na intermediária contrária, na tentativa de chegar ao empate, e duas bolas aos ferros de cada uma das balizas, por Diego Sia, aos 51 minutos, e Rúben Furtado, aos 59.

Mais do que justificado, o Sporting de Braga empatou a 1-1 por Dinis Rodrigues, aos 66 minutos, após cruzamento milimétrico de Rúben Furtado, mas o AC Milan voltou à liderança por 2-1, por Kevin Zeroli, aos 71, com um toque de calcanhar.

Os minutos finais do encontro foram frenéticos, com duas expulsões para o banco dos ‘guerreiros’, e com o Sporting de Braga a chegar à igualdade por Rúben Furtado, aos 90-4 minutos, obrigando ao desempate por penáltis.

Nas grandes penalidades, o AC Milan foi mais eficaz e concretizou quatro, tendo o seu guarda-redes francês Noah Raveyre defendido duas, enquanto o Sporting de Braga concretizou apenas duas e João Carvalho parou uma.