twitter

«Densidade emocional toda para o Casa Pia»

«Densidade emocional toda para o Casa Pia»
Fotografia DM

Publicado em 30 de dezembro de 2023, às 12:07

Artur Jorge, técnico do SC Braga, diz que a atenção tem que estar toda centrada no jogo de hoje (18h00)

O início de 2024 vai ser uma provação para o plantel do SC Braga tendo em conta a densidade de jogos do calendário e a qualidade dos adversários que a equipa de Artur Jorge vai ter pela frente, mas isso não desvia o foco do treinador dos arsenalistas naquilo que é o imediato e que se chama Casa Pia. Os arsenalistas jogam hoje, a partir das 18h00, em Rio Maior, diante dos casapianos e para eles que a atenção de Artur Jorge está centrada. «Falo em densidade [competitiva], mas a minha densidade emocional passa toda para o Casa Pia. Temos de nos focar completamente neste jogo para ultrapassar este adversário.  A importância de ganhar, independentemente do momento, é muito grande. Será importante acabar a ganhar e começar a ganhar. Vamos ter uma equipa com dinâmicas diferentes das que teve já no início desta época, com ideias do novo treinador, que alterou a sua forma de jogar, com mais gente por dentro, que vem de uma vitória em Chaves», alertou.

Relativamente ao mês de janeiro, com decisões na Taça de Portugal, Taça da Liga e jogos importantes para o campeonato, o técnico dos arsenalistas  não considera este o maior desafio desde que assumiu a equipa, mas lembrou que se aproximam «sete jogos, com grande dificuldade, contra equipas que estão em posições cimeiras». «Esperamos, grandes dificuldades, mas também espero que possamos dar uma boa resposta. Vamos ter um mês que pode ser decisivo no que temos pela frente, nomeadamente na Taça de Portugal e Taça da Liga, mas também no campeonato, onde queremos cimentar os lugares cimeiros», disse. Para o jogo de hoje, Artur Jorge não vai contar com as prestações de Al Musrati e Álvaro Djaló, ambos lesionados, bem como de José Fonte, este devido a castigo federativo.