twitter

Rouba 20 euros e é condenado a prisão efetiva

Rouba 20 euros e é condenado a prisão efetiva
Fotografia

Publicado em 24 de janeiro de 2019, às 19:51

O arguido tinha 14 condenações por furto e consumo de droga.

Ao fim de 14 condenações, por furto e consumo de droga, acabou condenado a prisão efetiva por roubo de 20 euros a uma mulher junto a um multibanco no Hotel Mercure em Braga.
O Tribunal de Braga condenou o arguido, de 41 anos de idade, a três anos e oito meses de prisão efetiva.
O crime ocorreu a em janeiro de ano passado, quando uma mulher, que acabara de levantar dinheiro, foi abordada na avenida da Liberdade pelo arguido que lhe terá encostado um objeto à barriga que se presume que tenha sido uma navalha. A vítima acabou por entregar os 20 euros. Acabou por ser o casaco de cor laranja que denunciou o arguido, pois na noite do crime trazia-o vestido, o que lhe valeu uma identificação fácil. As anteriores condenações «não surtiram efeito» refere o acórdão do tribunal, que desta forma justifica a prisão efetiva do arguido.
Autor: Nuno Cerqueira