twitter

Museu do Reconhecimento Cultural pode vir a ser realidade "física" em Braga

Museu do Reconhecimento Cultural pode vir a ser realidade "física" em Braga
Fotografia

Publicado em 09 de fevereiro de 2018, às 18:29

O MRC é para já um espaço virtual e que pode ser visitado via online.

O Museu do Reconhecimento Cultural (MRC) já é uma realidade online, mas pode vir a ter espaço física em Braga. Apresentado em formato online ontem no âmbito da cerimónia de encerramento do Projeto Braga Integra, o vice-presidente da Câmara de Braga, Firmino Marques, não "bateu a porta" à possibilidade de acervo cultural vir a ter um espaço físico. «É um desafio que temos agora pela frente. Um museu de histórias de pessoas que vai constituir uma importante aprendizagem de modos de vida e culturas de quem escolhe Braga para se fixar», referiu o vice-presidente da Câmara. O MRC é para já um espaço virtual, onde neste momento é possível conhecer o processo de integração na cidade do ex-jogador brasileiro do SC Braga, Alan Osório, o padre ortodoxo ucraniano Vasyl Bundzyak, e senegalesa Saidatina Dias. [Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]
Autor: Nuno Cerqueira