Fotografia: António Valdemar

FC Amares bate Marinhas com golo em cima da hora

Tanela, do FC Amares, aproveitou erro do guarda-redes em cima do minuto noventa.

António Valdemar
22 Jan 2023

Depois de dois jogos sem ganhar, o FC Amares regressou aos triunfos e venceu o Marinhas, com um golo de Tanela, em cima do minuto noventa. 

O avançado dos amarenses, que entrou no decorrer da segunda parte, aproveitou um erro do guarda-redes Cláudio para dar a vitória à sua equipa, num jogo que não teve nota artística.

A equipa do Marinhas, que jogou toda a segunda parte com menos um jogador, acabou por ser traída pelo guarda-redes quando pensava em levar pelo menos um ponto de Amares.

A formação costeira entrou com mais fome de golo e, nos primeiros 30 minutos, esteve por cima do FC Amares procurando, embora nem sempre com o discernimento necessário, atingir com sucesso da baliza defendida por Brandão que, sublinhe-se, apenas teve de se aplicar por uma vez e num corte do seu colega Pedro Silva.

Os locais acordaram com o lance de Ângelo, à passagem da meia hora, que poderia ter mexido com o marcador. O avançado surgiu na cara do guarda-redes adversário, mas não foi capaz de meter a bola dentro da baliza.

Depois, aos 40 minutos, o Marinhas reagiu e Lemos falhou por pouco a emenda a um remate/cruzamento de Dani, isto antes da equipa costeira ter ficado reduzida a 10 jogadores, devido à expulsão do defesa Faria. O árbitro considerou que a entrada sobre Nuninho foi muito à margem da lei e mandou o jogador tomar banho mais cedo, sem que o resultado se alterasse ao intervalo.

Na segunda parte, os da casa entraram mais afoitos na procura de mudar o rumo dos acontecimentos, mas a verdade é que foi Brandão (56’ e 57’) a evitar por duas vezes o golo na sua baliza. No entanto, a partir daí a equipa de Nelson Martinho assumiu as despesas da partida, mas sem criar lances de perigo.

Até que aos 89 minutos, Duarte fez um cruzamento com a bola a escapar ao guarda-redes e Tanela aproveitou bem o erro defensivo para marcar o único golo da partida e que valeu, pelo menos até esta tarde, o regresso ao 3.º lugar na série A da Pró-Nacional.





Notícias relacionadas


Scroll Up