Fotografia: Município de Braga

Há 19 “Viagens por Saramago” para conhecer no Palácio do Raio

A exposição está patente até 25 de fevereiro, e a entrada é livre.

Redação
16 Jan 2023

Está patente ao público até 25 de fevereiro, no Palácio do Raio, a exposição “Viagens por Saramago”, resultado da terceira edição do ACTUM – Convocatória Aberta de Projectos Artísticos.

A mostra, inaugurada no passado sábado, propõe 19 itinerários pela obra de José Saramago. São os 19 projectos vencedores da área das Artes Plásticas e Visuais do ACTUM 3, o programa promovido pelo município de Braga com o objectivo dinamizar o sector cultural e criativo.

Na abertura da exposição, Ana Ferreira, chefe de gabinete do presidente da Câmara Municipal de Braga, destacou o trabalho em rede desenvolvido neste projecto, nomeadamente com a Misericórdia de Braga e com a Zet Gallery e o envolvimento dos artistas.

Segundo a responsável “Braga pretende concretizar, até 2030, a sua estratégia cultural da qual faz parte o apoio aos agentes culturais concelhios, que levam a sua arte além-fronteiras e é precisamente nesse âmbito que se insere o ACTUM 3. “Braga é uma cidade de cultura 365 dias por ano”.

Também o provedor da Misericórdia de Braga, Bernardo Reis, realçou o trabalho em rede desenvolvido na cultura em Braga. “É de salientar o impulso que a Câmara Municipal tem dado à cultura em Braga”, referiu, destacando que “a união de sinergias e o trabalho em rede são a melhor forma de trabalhar a cultura na nossa cidade”. O responsável afirmou ainda que “o mote desta exposição do ACTUM3 traduz exactamente esta vontade em promover a arte e apoiar os artistas”. “Sendo a primeira exposição temporária que inauguramos este ano, é também uma honra acolher obras de arte que traduzem interpretações diferentes do vasto legado literário deixado por José Saramago”, sublinhou ainda Bernardo Reis.

Por seu lado, a curadora do Centro Interpretativo Memórias da Misericórdia de Braga, Marta Lobo de Araújo, referiu “a multiplicidade de viagens por Saramago que a exposição convoca e convida todos a percorrer”.

Para Helena Mendes Pereira, curadora da exposição e representante da Zet Gallery “Braga será sempre capital de cultura”. Sendo a terceira vez que a Zet Gallery se associa à convocatória artística ACTUM, a curadora considerou que as candidaturas têm vindo a crescer, permitindo “inventariar” os agentes culturais da cidade. Para a responsável os artistas presentes na mostra reflectem duas tendências da cidade e do território a que pertencem: a multiculturalidade, pois têm várias nacionalidades, e a diversidade de propostas que apresentam e que “cobrem” diferentes técnicas artísticas.

A cerimónia de inauguração contou com um momento musical “Saramago Fado em Harpa”, de Adriana Moreira.

A exposição está patente até 25 de fevereiro, no Palácio do Raio, podendo ser visitada de terça a sábado das 10h00 às 13h00 e das 14h30 às 17h30. A entrada é livre.





Notícias relacionadas


Scroll Up