Fotografia: DM

«A Capela Imaculada é um exemplo muito positivo de requalificação»

A arte religiosa contemporânea foi tema de reflexão no Congresso Internacional sobre a problemática dos Seminários Católicos.

Carla Esteves
20 Nov 2022

O Congresso Internacional sobre a problemática dos Seminários Católicos, transformou-se, durante a manhã de ontem, num espaço privilegiado de reflexão e debate sobre a arte religiosa, em particular sobre a presença da arte moderna nos edifícios religiosos.

Além de abordar a forma como a arte tem evoluído e sofrido alterações, fruto da passagem dos tempos, o primeiro painel da manhã foi também uma oportunidade para compreender que algumas modificações artísticas e arquitetónicas que recentemente têm sido feitas, quase num sentido de regressão no tempo, têm sido menos bem conseguidas, e alteraram para pior o “rosto” de algumas das igrejas e capelas portuguesas.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up