Fotografia: Avelino Lima/DM

Eventos económicos da câmara dão receita direta de um milhão ao turismo

A revelação foi feita esta sexta-feira pelo presidente da autarquia vieirense, António Cardoso, que estimou em cerca de 400 mil euros o investimento anual do Município.

Joaquim Martins Fernandes
12 Nov 2022

O presidente da Câmara Municipal de Vieira do Minho, António Cardoso, garantiu ontem que o investimento municipal nas atividades direcionadas para a dinamização da economia local «tem um bom retorno», que ganha maior expressão no setor do turismo», por força dos «milhares de pessoas» que atrai ao território.

«Os estudos feitos pelos serviços camarários indicam que só setor do turismo de Vieira do Minho tem uma receita direta acrescida de um milhão de euros face ao ano anterior, graças aos muitos milhares de visitantes quer as várias realizações anuais atraem ao concelho», sublinhou António Cardoso. O autarca vieirense, que falava à margem da conferência de imprensa de apresentação do programa do Mercado de Outono, estimou em cerca de 400 mil euros a despesa dos cofres municipais com as várias realizações de matriz económica. O que quer dizer que cada euro investido pelo município vieirense canaliza para a dinamização das atividades económicas tem uma rentabilidade de 250 por cento só no setor do turismo, que se traduz num retorno de 2,5 euros para cada euros gasto.

Só com a edição deste ano do Mercado de Outono, que vai decorrer nos dias 19 e 20 de novembro, a Câmara Municipal de Vieira do Minho estima um retorno de 100 mil euros. 

A realização, que substitui o agora extinto “Mercado da Castanha”, vai decorrer em frente à Câmara Municipal, a partir das 10h00 de sábado, dia 19. Além da castanha e do mel, os 35 expositores presentes vão facultar a aquisição dos produtos locais de outono, compotas, doces, fumeiro, azeite, chás, queijo, produtos agrícolas e criações artesanais, de que se destacam as peças em cobre típicas de Vieira do Minho.

As chegas de bois – às 14h30 do dia 19 e às 15h00 do dia 20 – e os incontornáveis magustos tradicionais – às 22h00 do dia 19 e às 16h30 do dia 20 – integram também o programa oficial do “Mercado de Outono”, que ter palco privilegiado no programa da TVI “Somos Portugal”

Com o objetivo central de «promover os produtos locais e possibilitar a confraternização e o convívio», a realização promete «dois dias de grande animação aos visitantes».   





Notícias relacionadas


Scroll Up