Fotografia: ANTÓNIO PEDRO SANTOS/LUSA

PCP vai apresentar projeto de revisão constitucional para “defender Abril”

O PCP é contra a revisão da Constituição e foi contra todas as revisões anteriores.

Agência Lusa
11 Nov 2022

O PCP vai apresentar um projeto de revisão constitucional para “defender os valores de Abril”, depois de o PS ter dado “aval” ao processo iniciado pelo Chega, anunciou hoje a líder parlamentar, Paula Santos.

“Sim, iremos avançar, neste contexto, com uma iniciativa e uma proposta concreta”, respondeu Paula Santos, depois de ser questionada pela Lusa em conferência de imprensa no parlamento.

Hoje é o último dia para a entrega de iniciativas de revisão da lei fundamental portuguesa, uma vez que termina o prazo iniciado com admissão do primeiro projeto, do Chega, em 12 de outubro. Paula Santos não revelou as propostas concretas que o PCP pretende entregar, remetendo a sua divulgação para mais tarde: “A seu tempo apresentaremos.”

O PCP é contra a revisão da Constituição, foi contra todas as revisões anteriores, mas, como a maioria absoluta do PS “decidiu dar aval e possibilidade de concretizar” a sua modificação, a bancada comunista “intervirá, com uma proposta própria, com o objetivo de defender os valores de Abril”, completou a deputada.

A membro da Comissão Política da direção comunista acrescentou que o partido vai fazer um “combate firme” a conceções “antidemocráticas que procuram impor retrocessos”, aludindo ao Chega.

Contudo, Paula Santos considerou que “a abertura de mais um processo é uma decisão precipitada, sem qualquer urgência” e defendeu que o que se impunha era “o respeito” pela Constituição aprovada em 1976.





Notícias relacionadas


Scroll Up