Fotografia:

Cardeais e bispos de Portugal e Espanha presentes na ordenação episcopal de D. Delfim Gomes

A Eucaristia de Ordenação terá lugar às 15h00 de 4 de dezembro.

Redação
10 Nov 2022

A Igreja tornou público o programa da ordenação episcopal D. Delfim Jorge Esteves Gomes que terá lugar na Catedral de Bragança, no próximo dia 4 de dezembro, a partir das 15h00. Para o evento religioso estão confirmadas as presenças de cardeais, bispos e sacerdotes de Portugal e de Espanha, com destaque para representantes da Arquidiocese de Braga e da Diocese de Bragança-Miranda.

Assim, segundo o programa divulgado pela Comissão Organizadora, a Eucaristia de Ordenação terá lugar às 15h00 e contará com a presença de cardeais, bispos, sacerdotes e diáconos de Portugal e das dioceses vizinhas de Espanha. 

A grande representação de bispos e sacerdores são da Arquidiocese Metropolita de Braga, diocese-mãe de Bragança-Miranda; e desta, de onde vem o nomeado bispo D. Delfim Gomes, como novo bispo Auxiliar de Braga

D. Delfim Gomes vem juntar-se a D. Nuno Almeida, como auxiliares de D. José Cordeiro, anterior bispo de Bragança.

Vozes de toda a Diocese cantam na ordenação

Entretanto, o canto litúrgico da Ordenação contará com a participação dos coros de toda a Diocese de Bragança-Miranda. São convidados a participar e a inscrever-se, os coros não residentes em Bragança farão a preparação prévia com os respetivos diretores e nos locais habituais de ensaio. 

De referir que os coros da cidade de Bragança, ou coralistas de forma livre, têm ensaiado todas as terças-feiras, às 21h00, na Catedral. Ainda se aceitam contribuições femininas e masculinas até ao dia 15 de novembro. 

Salienta-se ainda que, na semana que antecede a ordenação, em data e hora a definir, estão previstos ensaios gerais com a participação de todos os envolvidos no canto.

De acordo com o programa, no final da Ordenação, há um jantar, aberto à comunidade, no salão de festas da Escola Secundária Emídio Garcia.

Os bilhetes são limitados e estão disponíveis em Vila Flor (Biblioteca Municipal, Centro Paroquial e Santa Casa da Misericórdia) e em Bragança (Cúria Diocesana, Livraria Casa de Paramentaria Santa Clara e na sede do jornal diocesano “Mensageiro de Bragança”).

De referir que as insígnias episcopais serão divulgadas no dia no 17 de novembro, no Diário do Minho e no Mensageiro de Bragança.





Notícias relacionadas


Scroll Up