Fotografia: GNR

Detido por violência doméstica em Braga

O arguido, de 74 anos, foi detido em flagrante delito.

7 Nov 2022

O Comando Territorial de Braga, através do Posto Territorial do Braga, deteve no dia 4 de novembro, em flagrante, um homem de 74 anos, por violência doméstica, em Braga. A informação foi avançada esta segunda-feira pela Guarda Nacional Republicana (GNR).

Em comunicado, a GNR adianta que, «no seguimento de um processo por violência doméstica, os militares da Guarda verificaram que o suspeito se encontrava a agredir, ameaçar e a injuriar a vítima, a companheira de 70 anos». O homem foi então detido «de imediato».

O detido foi presente a primeiro interrogatório judicial no Tribunal da Comarca de Braga no dia 5 de novembro. Foi-lhe aplicada as medida de coação de afastamento da residência, a proibição de contacto e de aproximação a menos de 400 metros com a vítima por qualquer meio, através da monitorização e instalação de vigilância eletrónica, proibição de frequentar locais que disponibilizem ao público bebidas alcoólicas e da obrigação de se sujeitar a tratamento/ programa de desintoxicação de álcool. A ação contou com o reforço do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Específicas (NIAVE) de Braga.

A GNR recorda que a violência doméstica é crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva. A participação deste crime pode ser feita através do Portal Queixa Eletrónica, por telefone, através do 112, no posto mais próximo da GNR, na App MAI112, disponível e destinada exclusivamente aos cidadãos surdos, e ainda na aplicação SMS Segurança, também direcionada a pessoas surdas.





Notícias relacionadas


Scroll Up