Fotografia: Avelino Lima

Estudantes da UMinho reforçam presença no Bairro das Enguardas

A assinatura do acordo aconteceu no seguimento da inauguração da requalificação da sede do SC Leões das Enguardas.

José Carlos Ferreira
30 Out 2022

A Associação Académica da Universidade do Minho, a BragaHabit e o SC Leões das Enguardas assinaram ontem um protocolo que vai permitir a utilização da sede do clube para que os estudantes da academia minhota possam realizar atividades de educação não formal com as crianças do Bairro das Enguardas.

A assinatura do acordo aconteceu no seguimento da inauguração da requalificação da sede do SC Leões das Enguardas, pelo presidente da Câmara de Braga, Ricardo Rio, que se fez acompanhar de praticamente todo o seu executivo.

Falando à margem da cerimónia, o presidente da AAUM explicou que os alunos da Universidade do Minho já realizam iniciativas no Bairro das Enguardas durante o ano letivo, nomeadamente, na escola primária, com o apoio aos alunos. Agora, com este protocolo, esta presença vai ser reforçada. «Neste espaço em particular, fora da escolas, temos de começar a apostar noutras vertentes, isto é, na educação não formal, fora daquilo que é propriamente o ensino», disse Duarte Lopes. O dirigente salientou que, para isso, têm agoraum espaço seguro onde as crianças podem ser acompanhadas. Duarte Lopes lembrou que, para esta nova vertente, a AAUM conta com os alunos do curso de Educação, que serão «essenciais», uma vez que possuem a área de apoio social.

Para o presidente da Câmara de Braga, este protocolo merece elogios na medida em que posibilita a interação dos universitários com a comunicada. «O que me parece muito importante», salientou. «Nós todos temos que trabalhar para que todas as zonas residenciais do nosso concelho se sintam cada vez mais integradas na sociedade, e essa integração faz-se também através deste tipo de pontes. De pontes das autoridades públicas, que são as, naturalmente, mais fáceis de fazer, mas pontes também do setor privado, das instituições, das empresas. E trazer esses projetos para dentro dos bairros e poder ajudar a regenerar os bairros, é algo que me parece muito necessários e bem vindo», acrescentou Ricardo Rio.

O administrador da BragaHabit, Carlos Videira, mostrou-se convicto que a AAUM, com este protocolo, vai dinamizar o Bairro das Enguardas, com o apoio ao estudo, o apoio à infância, «ajudando a promover o sucesso escolar e o combate ao absentismo».

Por fim, o presidente do SC Leões das Enguardas salientou que esta é uma concrrtização de um sonho de 2016. António Araújo quer agora ver como é que esta parceria se concretiza no terreno para depois a avaliar.

Paradigma da BragaHabit mudou neste mandato

O presidente da Câmara de Braga considerou ontem que o pardigma da BragaHabit mudou neste seu novo e último mandato.

Segundo Ricardo Rio, a BragaHabit deixou de estar apenas a gerir, para passar também a se um agente catalizador da mudança.

Falando à margem da cerimónia da inauguração da requalificação da sede do SC Leões das Enguardas e da assinatura do protocolo com a Associação Académica da Universidade do Minho, Ricardo Rio sustentou que a BragaHabit mudou «na lógica do envolvimento com a comunidade, mudou na lógica das políticas imateriais», lembramdo que a alocação do Human Power Up e da dimenão da inovação social a esta empresa municipal «é um estímulo para que assim aconteça». «Ou seja, mais do que fazer a mera gestão dos programas e do parque habitacional, acho que há uma dimensão de políticas ativas de interação com a comunidade», acrescentou.





Notícias relacionadas


Scroll Up