Fotografia: Miguel Viegas

Vinhos Verdes estão a afirmar-se pela valorização da qualidade

Produtores levam dinamismo da região a Lisboa.

Luísa Teresa Ribeiro
24 Out 2022

A Região dos Vinhos Verdes está no caminho certo ao seguir uma estratégia de valorização da qualidade, que se traduz no lançamento no mercado de vinhos já com alguns anos, caraterizados pelo potencial de guarda, permitindo assim aumentar o preço de comercialização.

A avaliação é feita por Nuno Pires, fundador da Essência do Vinho e diretor da Revista de Vinhos, no âmbito da Essência do Vinho – Lisboa, a 23.ª edição do Encontro da Revista de Vinhos, que termina hoje, no Centro de Congressos de Lisboa, na Junqueira, com um dia direcionado para profissionais, depois de um fim semana dirigido ao público em geral.

Entre os 350 expositores presentes no certame, com 3500 vinhos em prova, há 20 produtores da região que se apresentam em conjunto com a Comissão de Viticultura da Região dos Vinhos Verdes, com mais de 120 referências, ao abrigo de um programa comunitário que pretende dar a conhecer as denominações de origem protegida. Para além desta representação, há também produtores com stands individuais e provas em que os vinhos da região estão em destaque.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up