Fotografia: DR

Consternação em Vizela pela morte de Rui Guimarães

Rui Guimarães era uma referência do futsal português.

Redação
21 Out 2022

A Câmara de Vizela expressou, ontem, «o seu mais profundo pesar» pelo falecimento do treinador vizelense Rui Guimarães. O técnico vizelense, faleceu no dia 19 de outubro, aos 37 anos, no Kuwait. Iniciou a carreira em 2003, como treinador no Desportivo Jorge Antunes e, desde muito jovem, demonstrou as suas competências técnicas e capacidade de liderança. Depois de vários títulos a nível regional e nacional, iniciou a sua carreira de treinador no estrangeiro, onde passou por vários clubes e vários países, como, Suíça, Itália, Roménia, Grécia e Republica Checa. Chegou aos Emirados Árabes Unidos, onde alcançou vários títulos: quatro de campeão, três supertaças, dois da UAE Federation e três da President Cup. Venceu por duas vezes o torneio NAST Tournament. Seguiu-se uma experiência em Nicarágua e atualmente estava a treinar o Tadhmon Club, no Kuwait. No seu palmarés contam-se 20 títulos, em Portugal, na Romênia e nos Emirados Árabes Unidos. Em 2018, a Câmara de Vizela atribui-lhe o galardão de mérito do Município, premiando o jovem quadro vizelense, que, pelo seu percurso profissional, se destacou a nível nacional e internacional, nas suas mais variadas vertentes, com o objetivo de demonstrar o orgulho de Vizela por este ‘produto da terra’ e que foi uma referência para todos os jovens vizelenses, homenageando aquele que levou mais longe o nome do Concelho.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho] 





Notícias relacionadas


Scroll Up