Fotografia: DR

Rede de Bibliotecas de Braga dedica plano de atividades ao combate ao bullying

A Rede de Bibliotecas de Braga está a crescer cada vez mais e é hoje um exemplo no país.

Carla Esteves
18 Out 2022

A Rede de Bibliotecas de Braga vai desenvolver, ao longo deste ano letivo, todo um plano de atividades centrado na temática da sensibilização e combate ao bullying. O referido plano, que representa a estratégia do Plano Local de Leitura, traduz-se num conjunto de ações e atividades distribuídas por quatro eixos distintos, que foram, hoje de manhã, apresentados na Biblioteca Lúcio Craveiro da Silva.

A iniciativa contou com a presença de uma comitiva do Plano Nacional de Leitura, de representantes da Rede de Bibliotecas Escolares, e da vereadora da Educação, Carla Sepúlveda, que reforçou a importância da apresentação deste plano em pleno Mês das Bibliotecas.

Em declarações à imprensa, Carla Sepúlveda, defendeu que é imprescindível aproximar cada vez mais as bibliotecas da comunidade escolar, convidando os alunos a frequentá-las.

«Este ano tem, para nós, um duplo sentido, porque em termos educativos elegemos o bullying como tema. O desafio já tinha sido lançado aquando da presença do presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, em Braga. Foi ele quem apadrinhou a ideia e desafiou-nos», revelou.

Segundo a vereadora da Educação, posteriormente o plano passou à prática em conjunto com os diretores das escolas do concelho, que foram desafiados pelo Município de Braga, na altura em que decorreu o planeamento deste ano letivo, a trabalhar a prevenção do bullying de forma positiva.

«Queremos trabalhar mais no sentido de adotar  bons comportamentos e que as crianças percebam que é desde cedo que temos que ter boas práticas para combater este flagelo», contou.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up