Fotografia: DM

Colóquio do Bicententário da Independência reforça relação estreita entre Braga e Brasil

Evento decorre até amanhã no Auditório Bernardo Reis, nas instalações da Santa Casa da Misericórdia.

Carla Esteves
14 Out 2022

O Auditório Bernardo Reis, da Santa Casa da Misericórdia de Braga é, hoje, palco do XVI Colóquio “Raízes Medievais no Brasil Moderno”, organizado pela Academia Portuguesa da História no âmbito do Bicentenário da Independência do Brasil. O evento revelou a vitalidade do trabalho desenvolvido nesta área pelos dois países e veio acentuar ainda mais a relação estreita de Braga com o Brasil.

A presidente da Academia Portuguesa de História, Manuela Mendonça,  revelou que este colóquio resulta de uma parceria entre a Academia Portuguesa da História e o Instituto Histórico Geográfico Brasileiro, e entre universidades portuguesas e brasileiras, sendo composto por um conjunto de docentes que há 16 anos, sem interrupção, realizam o evento no Brasil e em Portugal alternadamente.

Este facto histórico foi reforçado pelo embaixador coordenador das Comemorações do Bicentenário da Independência do Brasil, que argumentou que «regressar a Braga é não só um regresso às origens, mas  também uma projeção para o futuro, tendo em conta a grande presença da comunidade brasileira em Braga».

Por seu turno, o provedor da Santa Casa da Misricórdia de Braga, Bernardo Reis, realçou a honra de receber este colóquio, vincando as fortes relações entre a Misericórdia de Braga e a Academia Portuguesa de História.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up