Fotografia: CM Viana do Castelo

Cadeira elevatória do Tribunal de Viana do Castelo reparada e em funcionamento

A utilização do equipamento estava impedida há sete meses.

Redação/Lusa
13 Out 2022

A cadeira elevatória para pessoas com mobilidade reduzida situada no átrio do Tribunal de Viana do Castelo já está reparada e em funcionamento. A utilização do equipamento estava impedida há sete meses.

Numa nota enviada à agência Lusa, a administradora judiciária do Tribunal de Viana do Castelo, Rosa Maria Ribeiro, adianta que «a cadeira elevatória foi colocada na quarta-feira no tribunal já reparada e a funcionar». A falta de uma peça para reparar aquela cadeira elevatória impedia a utilização daquele equipamento por pessoas com mobilidade reduzida há sete meses.

Na segunda-feira, em resposta a um pedido de esclarecimento à Lusa, a responsável disse que o equipamento estava avariado desde abril, por «dificuldade em encontrar uma empresa disponível para o reparar». Em setembro, o tribunal conseguiu adjudicar a reparação, por mil euros, mas a empresa alegava dificuldade na aquisição de uma peça necessária ao seu conserto.

Até terça-feira, a entrada de pessoas com dificuldades de locomoção era feita por uma porta lateral do tribunal que dá acesso no elevador aos pisos superiores do edifício. Esta tornava-se uma «logística mais complicada», admite Rosa Maria Ribeiro, pelo facto «dessa entrada lateral dar acesso ao parque de estacionamento do tribunal», habitualmente preenchido com os automóveis de funcionários e juízes do tribunal.





Notícias relacionadas


Scroll Up