Fotografia: Agência Ecclesia/PR

Bispos portugueses reiteram pedido de perdão às vítimas de abusos

A Comissão Independente já recebeu 424 testemunhos de abusos sexuais na Igreja.

Redação/Lusa
12 Out 2022

A Conferência Episcopal Portuguesa (CEP) reiterou ontem o «pedido de perdão às vítimas» de abusos sexuais de menores no seio da Igreja, assegurando a sua «determinação em tudo fazer para que, no futuro, tais crimes não se voltem a repetir». Em comunicado emitido após uma reunião realizada ontem em Fátima, o Conselho Permanente da CEP refere que nesta «determinação (…) é urgente ver envolvida toda a sociedade».

«O Conselho reafirma o seu apreço pelo trabalho desenvolvido pela Comissão Independente para o Estudo dos Abusos Sexuais contra Crianças na Igreja Católica, criada por iniciativa da Conferência Episcopal Portuguesa, e apela à apresentação de testemunhos de quem tenha conhecimento da sua ocorrência, no plano de trabalhos desta Comissão», acrescenta o comunicado. Segundo o Conselho Permanente da CEP, é seu propósito «tomar seriamente em conta as propostas que esta Comissão venha a fazer», ao mesmo tempo que manifesta confiança «na justiça civil e canónica, quando devida, para a investigação e o julgamento de casos em apreciação».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up