Fotografia: SC Braga

SC Braga. «Aprender com erros e reagir»

SC Braga, na newsletter semanal, olha para jogo desta noite com os belgas.

Pedro Vieira da Silva
6 Out 2022

O SC Braga, através do da newsletter semanal ‘Voz da Legião’, reconheceu que a equipa treinada por Artur Jorge cometeu «erros» no Estádio do Dragão, onde perdeu por 4-1, garatindo que a equipa irá «reagir» já na receção aos belgas do Union Saint-Gilloise.

«Aprenderemos com os erros e iremos reagir. O nosso ADN Gverreiro não engana: diante do RU Saint-Gilloise, em jogo importante para as contas da fase de grupos da Liga Europa, só a vitória interessa. Trabalharemos ainda mais para voltarmos à rota das vitórias neste mês que é de extrema intensidade competitiva», destaca o clube minhoto que, de seguida, elogia o apoio dado pelos adeptos braguistas no Dragão.

«Impressionante. Esta é talvez a palavra que melhor define o comportamento dos nossos adeptos em pleno Estádio do Dragão. Um sentimento contagiante, inabalável, que nunca esmoreceu e que, no final do encontro, deu mais uma demonstração de amor incondicional. Esta união, que continua a crescer de dia para dia, é o sustento de uma ligação sem limites», destacam.

 

Críticas à SIC

O SC Braga criticou a decisão da SIC em transmitir o jogo com o Union St. Gilloise na SIC Radical.

«A SIC, que detém os direitos de transmissão da UEFA Europa League em sinal aberto, decidiu remeter o SC Braga x RU Saint-Gilloise para um canal temático no cabo. É inegável que assiste a uma estação privada absoluta autonomia na gestão da sua programação (e é bom lembrar que a UEFA Europa League é um investimento da SIC), mas o SC Braga não é nem pode ser indiferente a esta opção, na medida em que ela transmite ao mercado e ao público uma mensagem sobre os clubes que “vendem”. A verdade, porém, é que o SC Braga “vende” e é muito importante que isso seja expresso, porque está vertido em números. Basta lembrar, por exemplo e só para citar os dados mais recentes, que foi com o SC Braga x Union Berlin que a SIC ganhou o dia 15 de setembro a toda a concorrência (tanto no rating, como no share e na audiência média). Mais do que não respeitar o seu próprio investimento e o retorno que ele gera, a SIC desrespeita os portugueses que, vendo os jogos europeus do SC Braga, lhe dão resultados», sublinham os responsáveis do SC Braga.





Notícias relacionadas


Scroll Up