Fotografia: Avelino Lima

Semana acentua importância do setor social no distrito de Braga

Convívio intergeracional juntou dirigentes e utentes no Bom Jesus do Monte.

Rui de Lemos
29 Set 2022

Os três dias da 7.ª Semana Social, este ano aliados à comemoração dos 20 anos da UDIPSS, serviram para «mostrar e reforçar a importância e vitalidade» do setor no distrito de Braga, sublinhou, ontem, o cónego Roberto Rosmaninho. O presidente da UDIPSS de Braga acrescentou que o encontro de dirigentes, autarcas, trabalhadores e utentes mostra que o trabalho social reclama de todos «um trabalho permanente de fazer bem e para o bem».

O património humano, cultural e social das IPSS (Instituições Particulares de Solidariedade Social) do distrito de Braga tem uma dimensão assinalável. São cerca de 400 instituições as representadas pela UDIPSS, 220 das quais sob a responsabilidade da Igreja Católica, que desenvolvem um trabalho inestimável «em prol do bem-comum e do cuidar das pessoas até ao fim do fim», valorizou o Arcebispo de Braga, D. José Cordeiro, ontem, numa tarde que deveria ter sido de convívio intergeracional, mas que o estado chuvoso do tempo não permitiu. Apesar disso, o Bom Jesus do Monte foi, ontem, palco de «um extraordinário encontro entre utentes, trabalhadores e dirigentes das IPSS do distrito», com uma adesão assinalável de séniores e crianças.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up