Fotografia: Francisco de Assis

Movimento da Mensagem de Fátima desafiado a cultivar acolhimento e combater a indiferença

Arcebispo de Braga presidiu à Peregrinação Arquidiocesana que decorreu ontem no Santuário do Sameiro.

Jorge Oliveira
26 Set 2022

Cerca de meio milhar de membros do Movimento da Mensagem de Fátima (MMF) da Arquidiocese de Braga realizaram ontem a sua peregrinação anual ao Santuário do Sameiro, em Braga. Na homilia da eucaristia, o Arcebispo de Braga destacou a importância de divulgar a mensagem de Fátima e desafiou os seus membros a cultivarem o acolhimento e a luta contra a indiferença e o medo.

O encontro decorreu durante todo o dia, no Sameiro, este ano sob o lema “Levanta-te! És testemunha do que viste”. O ponto alto da peregrinação foi mesmo a celebração eucarística, presidida por D. José Cordeiro.

Socorrendo-se das leituras do dia, sobretudo do Evangelho, mas também do Dia Mundial do Migrante e do Refugiado, que se celebrou ontem, o prelado bracarense fez a sua homilia tendo em conta a a assembleia, composta maioritariamente por membros do MMF da Arquidiocese.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up