Fotografia: SC Braga

Artur Jorge foi “obrigado” a mexer na defesa mas registos defensivos são muito positivos

SC Braga sofreu cinco golos em sete jogos, mas manteve a baliza a zero em cinco deles.

Pedro Vieira da Silva
14 Set 2022

O SC Braga sofreu, em Vila do Conde, dois golos, depois de cinco jogos consecutivos a zeros, elevando para cinco o número de golos encaixados. Ante o Rio Ave, tal como sucedera com o Malmö, Artur Jorge foi obrigado a mexer no quarteto defensivo mas, ainda assim, os registos defensivos são muito positivos.

No primeiro jogo oficial, o SC Braga empatou, a três, com o Sporting, tenso Artur Jorge apostado num setor defensivo composto, para além do guarda-redes Matheus, por Victor Gómez (lateral chegou esta temporada a Braga por empréstimo do RCD Espanhol de Barcelona), Vítor Tormena, Sikou Niakaté (ex-FC Metz) e Sequeira.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up