Fotografia: Santuário de Fátima

«Na mudança de época que vivemos faz-nos bem peregrinar em busca do essencial da vida»

D. José Cordeiro presidiu à missa do 13 de setembro em Fátima.

Redação/Ecclesia
14 Set 2022

D. José Cordeiro disse ontem, em Fátima, que, na mudança de época atual, «com todas as crises», a Igreja é chamada a «ser cada vez mais testemunha da misericórdia e da ternura», falando na Missa da peregrinação internacional de setembro.

«Na mudança de época que vivemos com todas as crises económicas, políticas, sociais, ecológicas e eclesiais, faz-nos bem peregrinar para ir em busca do essencial da vida», afirmou o arcebispo de Braga, na homilia da celebração, perante os fiéis que enfrentaram a chuva, no Recinto de Oração.

O Prelado explicou que a misericórdia implica obras e a fé pede que sejam capazes de «passar das obras de misericórdia à misericórdia das obras», chamados a perdoar quem os ofendeu e «a alcançar a paz para o coração» para serem felizes.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up