Fotografia: DM

Peregrinar «aumenta a fé e a nossa responsabilidade como cidadãos e cristãos»

D. José Cordeiro presidiu pela primeira vez à Peregrinação ao santuário da Penha, em Guimarães.

Jorge Oliveira
12 Set 2022

Milhares de devotos subiram ontem ao santuário de Nossa Senhora da Penha, naquela que foi a 129.ª peregrinação arciprestal de Guimarães/Vizela.

Depois de dois anos de restrições, devido à pandemia, a peregrinação voltou ao modelo habitual, com os grupos paroquiais, confrarias e escuteiros a fazerem esta caminhada de fé desde a Colegiada de Nossa Senhora da Oliveira até à montanha da Penha, no dia em que o santuário celebrou 75 anos de existência.

O Arcebispo de Braga, D. José Cordeiro, fez questão de integrar o cortejo religioso, acompanhado por sacerdotes do arciprestado e a Irmandade de Nossa Senhora do Carmo da Penha. O presidente da Câmara de Guimarães, Domingos, Bragança, entre outros autarcas, também vinha na peregrinação que se realizou sob o lema “Com Maria, tornemo-nos habitação do Amor”.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up