Fotografia: Contextile

Obra da belga Leïla Pile vence Prémio da Aquisição da Contextile 2022

O projeto “Graduated Ribbons” vai ser adquirido pelo município de Guimarães.

Redação/Lusa
5 Set 2022

A obra “Graduated Ribbons”, da belga Leïla Pile, foi distinguida com o Prémio de Aquisição da Exposição Internacional na Bienal de Arte Têxtil Contemporânea Contextile. O evento está a decorrer em Guimarães até 30 de outubro.

“Graduated Ribbons” (“fitas graduadas”, na tradução do inglês) é uma instalação composta por fitas tecidas e desenhos e vai ser adquirida pelo Município de Guimarães, revela a organização, em comunicado. As seis fitas são concebidas de acordo com um protocolo de três cores, sendo o vermelho sobreposto à alternância cru/preto, que corresponde a todas as secções de calhas de ponta a ponta. Enroladas, a borda das fitas revela “o ritmo e a vibração dos segmentos coloridos”.

Para o projeto, Leïla Pile inspirou-se no Antigos Matadouros de Mons, “onde as calhas estão suspensas”. “Os ganchos que estão pendurados circulam ao longo de 200 metros. No século XIX tinham a função de distribuir e organizar o espaço. Eram utilizados para mover as carcaças”, explica a organização.

O júri internacional, composto por Lala de Dios (curadora e professora de têxtil), Janis Jefferies (professora de artes visuais e curadora), Monika Grasiené-Zaltê (artista têxtil e curadora), Orenzio Santi (professor e artista têxtil) e Cláudia Melo (diretora artística da Contextile 2022), também distinguiu com menções honrosas as obras “The Shopping Bags of Tartarus”, da finlandesa Arja Kärkkäinen, “Flashlight & Turn it off”, da chilena Estefanía Tarud, “Plastic Textile”, dos italianos IPER-collettivo, e “Ativando Guimarães”, da brasileira Vania Sommermeyer.

Contando, mais uma vez, com a parceria e o apoio do Município de Guimarães e da DGArtes, bem como da indústria têxtil, a Contextile 2022 ocupa vários espaços culturais e áreas públicas da cidade, tendo por referência a exposição internacional com 50 obras de 50 artistas selecionados por um júri internacional. A 6.ª edição do certame começou no sábado e prolonga-se até 30 de outubro.





Notícias relacionadas


Scroll Up