Fotografia: DR

«Dívida é nos dias atuais muito menor e isso permite-nos ser mais ambiciosos»

Carlos Matos, presidente do ABC/UMinho, aborda atualidade do clube.

Pedro Vieira da Silva
27 Ago 2022

Carlos Matos, presidente do ABC/UMinho, olha para 2022/2023 e para o futuro com otimismo. Mas, como é habitual, sempre com os pés bem assentes na terra.

A turma academista viveu uma grave crise financeira, ainda está a pagar essa “fatura”, mas o responsável máximo dos academistas garante que as cosias estão, agora, «controladas», e isso permite ao clube ter «mais ambição».

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up