Fotografia: DM

Sameiro atrai ranchos folclóricos estrangeiros para a realização “Vamos bailar à Senhora”

Edição de ontem contou com 14 ranchos folclóricos, sendo dois da emigração.

22 Ago 2022

A realização “Vamos bailar à Senhora” voltou ontem à esplanada do santuário do Sameiro, após uma paragem de dois anos, que foi imposta pelas medidas sanitárias especiais que foram tomadas por causa da pandemia da Covid-19.

DM

DM

DM

DM

DM

Em declarações ao Diário do Minho, o responsável pela realização do espetáculo que coloca ranchos folclóricos a rezar à Senhora do Sameio através da música e das coreografias, José Machado, assumiu que «não foi fácil» voltar a colocar o projeto de pé.

[Notícia completa na edição impressa do Diário do Minho]





Notícias relacionadas


Scroll Up