Fotografia: DR

Arcos de Valdevez duplica investimento em apoios a alunos no novo ano letivo

1.248 alunos do concelho estão abrangidos.

Redação/Lusa
19 Ago 2022

A Câmara de Arcos de Valdevez decidiu duplicar o investimento para 354.950 euros em apoios e auxílios económicos às famílias para garantir a frequência, no ano letivo 2022/23, de 1.248 alunos do concelho.

Em comunicado, a autarquia do distrito de Viana do Castelo explicou ter duplicado o valor destinado à atribuição dos livros de fichas, sendo que os apoios passam ainda pela disponibilização de Atividades de Enriquecimento Curricular (AEC) e por transporte gratuito a todos os alunos.

“Tendo em consideração as condições socioeconómicas de algumas famílias, que não lhes permitem suportar, integralmente, os encargos decorrentes da frequência escolar dos seus filhos, a Câmara Municipal aprovou apoios ao nível dos auxílios económicos, que representam cerca do dobro do apoio financiado nos anos transatos”, sustentou o município presidido pelo social-democrata João Manuel Esteves.

Segundo a nota, “a atribuição dos livros de fichas terão um custo para o município de 55 mil euros”.

“Depois de quase dois anos a debaterem-se com as dificuldades agravadas pela pandemia, e considerando as dificuldades sentidas pelas famílias, sobretudo, as mais carenciadas, em suportar os encargos decorrentes da aquisição dos cadernos de atividades, a Câmara Municipal irá atribuir fichas de trabalho a todos os alunos do 1º, 2º e 3º ciclos do ensino básico, gratuitamente aos alunos de escalão A e B, e com apoio de metade (50%) para os restantes”, especifica.

Para os alunos do primeiro Ciclo, a autarquia vai disponibilizar AEC, “em parceria com o Ministério da Educação e Tecnologia”.

O município “aprovou a abertura de um procedimento pelo preço base de 64.350 euros para a contratação de docentes para as AEC no ano letivo 2022-2023, nas áreas de inglês, desporto, música, pilates, yoga e sons e tons, num total de 5.195 horas, entre setembro de 2022 e junho de 2023.

A autarquia vai ainda disponibilizar transporte gratuito para todos os alunos, desde o pré-escolar ao secundário, tendo aprovado “a reativação do contrato para o período de 01 de julho a 31 de dezembro de 2022 com os operadores Salvador Alves Pereira, Lda. e Autoviação Cura, Lda., com uma estimativa de 186.000 euros e 49.600 euros, respetivamente”.





Notícias relacionadas


Scroll Up